Quando a gente pensa que sabe todas as respostas,vem a vida e muda as perguntas

20
Ago 07

Os dirigentes sindicais da estruturas de trabalhadores que operam nos aeroportos de Portugal nas operações de carregamento e descarregamento de bagagens, estavam felizes e contentes: conseguiram infernizar a vida e a paciência de milhares de passageiros. Coisa, de resto, em que são especialistas durante todo o ano. Com greve ou sem greve.

publicado por José Manuel Constantino às 10:09

19
Ago 07

A revista Sábado,em suplemento, anuncia em primeira página as melhores praias de Lisboa. Corri a consultar um mapa actualizado não fosse a geografia da capital ter mudado e eu não ter dado conta. Mas não.Continua como era.Em Lisboa,praias, só se for a de Pedrouços!

publicado por José Manuel Constantino às 17:00

17
Ago 07

Um acidente mortal numa pista de carrinhos de choque e o país descobre que não há qualquer organismo de fiscalização daquele tipo de equipamento. Não é uma novidade.  O importante  são as bolas de berlim e a roupa que a comunidade cigana vende em Carcavelos. De resto nesta matéria de fiscalização Portugal dá lições de pioneirismo ao mundo: a partir de  1 de Julho a fiscalização de infra-estruturas, equipamentos e espaços desportivos está entregue à autoridade de segurança alimentar e económica numa relação de pertinência e de especialidade que faz todo o sentido! De facto é cada vez maior o número de refeições que se tomam nos pavilhões desportivos, sobretudo em épocas de campanha eleitoral, e nos polidesportivos e parques de recreio a actividade económica é relevante. Pobre país entregue ao experimentalismo reformista  sem sentido e onde a asneira tem terreno livre!

publicado por José Manuel Constantino às 10:27

16
Ago 07

A tentativa de manipulação de resultados desportivos a partir da arbitragem é tão antigo quanto o próprio desporto. As modalidades mais mediáticas nem são as mais atreitas a este tipo de conduta. Nas modalidades individuais onde o ajuízamento e a arbitragem têm uma forte componente de avaliação subjectiva (ginástica, saltos, dança ,patinagem artística,etc) e o controle público menor, a manipulação de resultados é prática que não é invulgar, sobretudo em competições internacionais. O profetas da moralidade e da defesa do desporto como uma escola de virtudes, escandalizam-se com estas impurezas do desporto, mas este é tão imperfeito quanto a sociedade que o gere. Os homens são os mesmos, com as mesmas  virtudes e defeitos  independentemente do emblema que defendem ou da região em que habitam.E a sua honorabilidade não pode ser avaliada pelo estatuto ou função que exercem. O que se aplica a dirigentes , jornalistas, polícias ou agentes do direito. Os novos desenvolvimentos sobre a arbitragem lusa do futebol só podem surpreender quem não pretende ver que o que passou a norte nunca foi diferente do que se passava a sul, salvo numa questão: a capacidade e a eficiência. Mas imaginar que maus da fita estão todos a norte  é bom para guião de um filme, mas  diz pouco sobre o país desportivo. Oculta mais do que aquilo que revela.

publicado por José Manuel Constantino às 10:45

15
Ago 07

O Benfica está cada vez mais parecido com o Governo : promete muito e cumpre pouco. E perante os resultados alcançados volta a subir as expectativas como se o insucesso não fizesse parte de um histórico dos resultados atingidos. E se o Benfica tem  o professor Seara que perante qualquer desastre acha sempre que “a equipa deixou boas indicações para o futuro”e cujo presente é brilhante como ainda ontem se constatou, para o Governo o socialista Alfredo Barroso não está com meias tintas:”lamento que o PS seja hoje um instrumento de defesa dos grandes interesses financeiros e do empobrecimento da classe média e dos trabalhadores em geral”.O Benfica já não é o que foi. O socialismo já não é o que prometeu.

publicado por José Manuel Constantino às 15:45

14
Ago 07

Admiro o ciclismo. É daquelas modalidades desportivas onde o corpo atinge os limites do possível. Poucas modalidades desportivas treinam e sofrem o que um ciclista está obrigado. O facto do rendimento de um ciclista, à semelhança do que se passa na generalidade do desporto de alto rendimento, ser um produto crescentemente medicalizado e de recurso á farmacologia em nada diminui a  grandeza do feito que um homem consegue em cima de uma bicicleta. Não sei o que vai acontecer nas duas últimas etapas da Volta a Portugal. Mas gostava que o Cândido Barbosa fosse o vencedor final. Pela suas qualidades físicas, pelo sentido de luta que coloca no modo como compete e sobretudo pela sobriedade e bom senso que revela sempre que é convidado a falar.

publicado por José Manuel Constantino às 09:55

13
Ago 07

Com direito a presença do secretário de estado do desporto e foto e texto no site do mesmo, o livro sobre Cristiano Ronaldo teve honras de Estado. As cerimónias de homenagem ao centenário do nascimento de Miguel Torga não mereceram qualquer representação governamental tendo essa função sido atribuída a um daqueles directores regionais que são pau para toda a obra quando os titulares governamentais a esse trabalho se não dispõem. Para que não restem dúvidas que o pontapé na bola é bem mais importante que a literatura .

publicado por José Manuel Constantino às 10:44

Agosto 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
18


26


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
Autor: JOSÉ MANUEL CONSTANTINO
pesquisar
 
blogs SAPO